17 dezembro 2012

Desafios da Vida Cristã


Texto Bíblico Filipenses 2 : 12-16
 De sorte que, meus amados, do modo como sempre obedecestes, não como na minha presença somente, mas muito mais agora na minha ausência, efetuai a vossa salvação com temor e tremor;
 porque Deus é o que opera em vós tanto o querer como o efetuar, segundo a sua boa vontade.
 Fazei todas as coisas sem murmurações nem contendas;
para que vos torneis irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus imaculados no meio de uma geração corrupta e perversa, entre a qual resplandeceis como luminares no mundo,
  Retendo a palavra da vida; para que no dia de Cristo eu tenha motivo de gloriar-me de que não foi em vão que corri nem em vão que trabalhei.


Somos informados através das sagradas escrituras que a vida cristã é um desafio constante, o próprio Jesus nos advertiu sobre esta verdade quando orientou seus discípulos sobre o dever de cada um levar sua cruz, Ele disse: Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome cada dia a sua cruz, e siga-me. Porque qualquer que quiser salvar a sua vida perdê-la-á; mas qualquer que, por amor de mim, perder a sua vida a salvará. Os ensinamentos do Senhor Jesus indicam uma renúncia progressiva e contínua do nosso eu, para vivemos os desafios da vida Cristã. 

No texto em questão o Apóstolo Paulo está falando a pessoas salvas em Cristo Jesus, que deveriam progredir na vida cristã expressando atitudes e caráter honrando, não apenas individualmente, mas como comunidade eleita por Deus para uma Igreja local. Portanto estamos diante de um texto que apresentam alguns desafios para aqueles que abraçam a vida Cristã.

Que desafios são estes?

I - NÃO PARE – (V. 12)

Desenvolver a salvação com temor e tremor, isso é, busquem o crescimento de forma que tenham como propósito o aperfeiçoamento na fé, avançando sempre na vida Cristã.
Vocês devem ser mais diligentes e mais cuidadosos em fazer o que agrada a Deus, pois isso é o resultado do fato de sermos salvos.
Em outras palavras é proibido estacionar, não pare. Avance sempre, infelizmente muitos estão estacionando e perdendo a oportunidade de crescimento na vida Cristã. O desafio de Deus para nós neste final de ano é não parar, mais avançar, desenvolvendo a salvação que recebemos do Senhor.

II-NÃO DEPENDA DE SI- (V. 13)

Deus está trabalhando em nós, apesar de nós, pois é Ele quem opera tanto o querer como o realizar. Precisamos compreender isso através da forma maravilhosa que o Senhor Jesus ensinou aos seus discípulos quando seguia com eles para Jerusalém, Ele disse: “Eu sou a videira, vós os ramos. Quem permanece em mim, e eu, nele, esse dá muito fruto: Porque sem mim nada podeis fazer”.( João 15:5).
É dever do cristão entender que seu viver depende de Deus, pois Isaias assim nos ensina: “Desde a antiguidade não se ouviu, nem com os ouvidos se percebeu, nem com os olhos se viu Deus além de ti, que trabalha para aquele que nele espera” (Is 64.4)
É Deus quem agi em nós operando através de três instrumentos, da palavra, da oração e do sofrimento.
Quando cremos na Sua palavra e agimos de acordo com ela o poder de Deus é liberado em nossa vida. (Salmo 119:105)
Se o cristão não dedica tempo à oração Deus não opera nele nem por meio dele.
Pouca aração pouco poder, muita oração muito poder, nenhuma oração nenhum poder.
O sofrimento é o meio pelo qual Deus opera o seu poder de maneira especial na vida daqueles que sofrem para a glória de Cristo. Leia sobre isso em I Pedro 4: 12-19. O fogo que arde das tribulações purifica o cristão e lhe dá poder para servir.

III- NÃO MURMURE –(V-14)

Quando olhamos para o povo de Deus e sua peregrinação no deserto, vemos que um dos seus pecados foi a murmuração.
Mas é necessário aprendermos que a murmuração não é coisa de cristão, queixas e reclamações não ficam bem para os filhos de Deus, pois esses são ensinados que por tudo devemos dar graça.
A linguagem do cristão é o louvor e a gratidão, pois “Todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus”.

IV-NÃO APAGUE A SUA LUZ-(V-15)

De acordo com este texto, o cristão é um luzeiro, um farol e deve estar brilhando no meio de uma geração corrupta e pervertida, isso nos faz lembrar as palavras do Senhor Jesus em Mat. 5:13-16 quando Ele diz que somos sal da terra e luz do mundo. Precisamos entender que Deus nos colocou como seus filhos para sermos luzes nesta hora crítica e difícil em que vive a nossa sociedade.

IV- NÃO PERCA A ESPERAÇA- (V-16)

No dia de Cristo. Paulo está se referindo a volta do Senhor Jesus Cristo. Tudo que o apóstolo ensina até aqui tem uma forte motivação, a volta de Jesus, visando estar preparado para este grande dia, é que Paulo insiste em que eles abracem a vida cristã de maneira tal que vençam os desafios e estejam preparados para receber das mãos de Cristo a inacessível coroa de glória. O apocalipse nos qualifica como vencedores. Isso nos estimula nos encoraja, nos dá força para vencermos os desafios da vida cristã.

Deus nos ajude a compreender que a graça de Deus está operando em nós, o Espírito Santo trabalhando por nós e que a nossa força nada faz. Mas Deus age em nós e através de nós.  No amor de Cristo.
  

                               Pastor Cícero Manuel
Reações:
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...